Quinta, 25 de Julho de 2024
14°C 30°C
Ponta Porã, MS
Publicidade

Medicina: matéria do PONTAPORAEMDIA gera caçada contra denúncias na Uninter-PJC

Funcionário da cúpula faz ameaças a quem compartilhou link de matéria publicada

20/06/2024 às 15h59
Por: Redação Fonte: Redação
Compartilhe:
Uninter é acusada de não agilizar trâmite para entrega de diplomas a formados
Uninter é acusada de não agilizar trâmite para entrega de diplomas a formados

A filial da faculdade Uninter do curso de medicina em Pedro Juan Caballero parece não querer resolver, tampouco ajudar seus formados em ter em mãos o diploma à qual têm direito após conclusão do curso.

Após veiculação de matéria pelo PONTAPORAEMDIA falando sobre a demora na entrega dos diplomas a grupo de quase 200 médicos formados na instituição de ensino, uma verdadeira caçada contra quem externou o problema começou.

Tudo teve início quando um formado distribuiu o link da matéria, provocando a “ira” da cúpula diante da exposição do problema e da aflição que os formados estão passando no aguardo do documento.

A ameaça veio em forma de áudios distribuídos nos grupos dos formados, com ameaça velada de que “caso continue os responsáveis pagarão caro” diante da exposição “desnecessária pois a faculdade está tentando resolver caso a caso”, atesta.

O integrante da cúpula da Uninter ainda diz que o responsável teve total apoio em várias questões internas da faculdade, como se isso fosse uma moeda de troca para que o grupo não se manifeste e aguarde passivamente os trâmites para obtenção do diploma após a conclusão do curso.

A redação do PONTAPORAEMDIA lamenta a situação e desde que chegaram várias queixas e reclamações diante da situação, já procurou a direção da filial em Pedro Juan Caballero da Uninter.

A reportagem foi recebida e conversou com a pró-reitora, Dra. Estela Torres, que deu todas as explicações e justificativas para o problema enfrentando pelos formados do curso de medicina e que concluíram todas as etapas no último mês de fevereiro e receberam a promessa de que em 90 dias o diploma estaria nas mãos dos novos médicos.

E a editoria reitera que irá acompanhar o caso, independente das ameaças, pois a referida instituição deveria estar mais preocupada em resolver o problema e preservar sua imagem – já desgastada há vários anos por conta da mesma situação todos os anos reiteradamente – e não promover caçada aos que estão simplesmente buscando seus direitos, pois pagaram o curso do seu início ao fim e cumpriram todas suas obrigações com a instituição administrativa e pedagogicamente.

Instituição quer saber quem fez denúncias sobre situação da demora na entrega de diplomas
Instituição quer saber quem fez denúncias sobre
situação da demora na entrega de diplomas

Na referida matéria veiculada no início da tarde desta quinta-feira, 20, pelo PONTAPORAEMDIA está a aflição dos formados pela demora na entrega dos diplomas, principalmente pelo fato de que a maioria sequer está com o cadastro do trâmite junto ao MEC do Governo do Paraguai.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ponta Porã, MS
17°
Tempo limpo

Mín. 14° Máx. 30°

16° Sensação
3.01km/h Vento
45% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h19 Nascer do sol
06h19 Pôr do sol
Sex 30° 16°
Sáb 31° 17°
Dom 31° 20°
Seg 34° 19°
Ter 23° 12°
Atualizado às 05h05
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,66 -0,03%
Euro
R$ 6,13 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,10%
Bitcoin
R$ 385,687,15 -2,20%
Ibovespa
126,422,73 pts -0.13%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias