Quinta, 20 de Junho de 2024
20°C 29°C
Ponta Porã, MS
Publicidade

A 40 dias para as convenções, Ponta Porã tem 3 pré-candidatos a prefeito

Prazo abre dia 20 de julho; PSDB, PT e Podemos estão – até aqui – no tabuleiro sucessório municipal

11/06/2024 às 07h45 Atualizada em 11/06/2024 às 08h11
Por: Redação Fonte: Redação
Compartilhe:
Campos, Quintana e Soares estão no tabuleiro eleitoral até aqui
Campos, Quintana e Soares estão no tabuleiro eleitoral até aqui

A partir desta segunda-feira, 10 de junho, faltam 40 dias para abrir o prazo da Justiça Eleitoral para os partidos realizarem suas convenções e oficializar as candidaturas a prefeito (a), vice e vereadores (as).

De 20 de julho a 5 de agosto, os partidos políticos precisam realizar as convenções e homologar os nomes para a disputa eleitoral municipal deste ano, marcada para o dia 06 de outubro em primeiro turno.

Continua após a publicidade
Anúncio

E o mês de junho intensificará as conversações entre as lideranças para encaminhar alianças e definir os candidatos aos cargos majoritários (prefeito e vice) bem como proporcional (vereadores).

O tabuleiro da corrida sucessória em Ponta Porã mostra três projetos bem distintos para a sucessão municipal.

PSDB

Continua após a publicidade
Anúncio

O prefeito Eduardo Campos (PSDB) é o nome natural e certo para a disputa eleitoral de outubro próximo.

Consolidado, o projeto para a eleição só depende da definição do nome do candidato a vice-prefeito de Campos.

Vários nomes já passaram pelo corredor do ninho tucano. Hoje, dois nomes são tidos nos bastidores como eventuais vice na chapado PSDB: do médico Patrick Derzi (PP) e de Raquel Lageano (PL).

Ambos deixaram suas secretarias – saúde e desenvolvimento – para esse projeto. O primeiro a deixar a cadeira de secretário municipal de Saúde foi Patrick Derzi.

Ele seria o nome preferido – ou escolhido – do ex-prefeito e atual secretário de InfraEstrutura do Estado, Hélio Peluffo Filho. Derzi inclusive deixou a secretaria no início de março, abrindo espaço para a filha de Peluffo Filho assumir a pasta, para ficar na condição de candidato a candidato a vice-prefeito.

De lá para cá, o curso da água no ninho tucano mudou e o PL entrou no circuito podendo indicar o candidato a vice-prefeito.

Nessa condição, a então secretária de Desenvolvimento, Raquel Lageano, deixou a pasta no dia 03 de junho, no prazo final para desincompatibilização aos detentores de cargos públicos para a disputa majoritária.

PT

No PT, o vereador Edinho Quintana é o nome definido. A cúpula petista na cidade definiu o nome dele ano passado, quando Quintana definiu sua saída do PSDB para migrar ao PT com a missão de ser o nome para disputar a prefeitura.

Ele ainda não tem nenhum nome para companheiro ou companheira de chapa. Pelo menos não publicamente.

Especula-se que o PDT poderia indicar o vice, mas ainda não há nada oficial sobre essas conversações.

PODEMOS

O último a entrar no tabuleiro foi o ex-vereador, ex-presidente da Câmara Municipal e ex-vice-prefeito Álvaro Soares dos Santos.

O partido de abrigo de Álvaro é o Podemos. Ele anunciou o projeto de disputar o Paço no final do mês passado, quando reuniu os pré-candidatos a vereador e via redes sociais, foi anunciada a pré-candidatura.

Álvaro já disputou a prefeitura de Ponta Porã em 2012.

Volta ao cenário político após 12 anos na condição de pré-candidato a prefeito.

PRAZOS

De 20 de julho a 5 de agosto

Partidos e federações poderão realizar, entre 20 de julho e 5 de agosto, convenções partidárias para deliberar sobre coligações e escolher candidatas e candidatos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador.

06 A 15 de agosto

0Após a definição das candidaturas, as agremiações têm até 15 de agosto para registrar os nomes na Justiça Eleitoral.

16 de agosto

O dia 16 de agosto marca o início da propaganda eleitoral, após o prazo de registro de candidaturas. Até lá, qualquer publicidade ou manifestação com pedido explícito de voto pode ser considerada irregular e é passível de multa.

Você pode conferir todos os prazos do Calendário Eleitoral deste ano na Resolução n 23.738/2024 ou por meio da playlist disponível noYoutube da Justiça Eleitoral que destaca as datas mais importantes.

Outros prazos correm até o dia 06 de outubro, data da eleição em 1o turno, mas voltada para as coligações apresentarem documentação à Justiça Eleitoral.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ponta Porã, MS
21°
Parcialmente nublado

Mín. 20° Máx. 29°

20° Sensação
2.53km/h Vento
41% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h22 Nascer do sol
06h07 Pôr do sol
Sex 31° 18°
Sáb 31° 18°
Dom 31° 18°
Seg 32° 23°
Ter 31° 17°
Atualizado às 20h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 -0,04%
Euro
R$ 5,84 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,54%
Bitcoin
R$ 375,273,53 -0,26%
Ibovespa
120,445,91 pts 0.15%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias