Quinta, 26 de Maio de 2022
°

-

Geral PEDRO JUAN

Óleo de Cannabis: Entidade que sofre perseguição de prefeito reúne 5 mil famílias

José Carlos Acevedo quer, a todo custo, impedir a atuação da associação que distribui óleo de cannabis com fins medicinais

02/03/2022 às 10h46 Atualizada em 02/03/2022 às 11h05
Por: Redação Fonte: REDAÇÃO
Compartilhe:
Procura pelo óleo de cannabis é intensa e bem aceita pela população de Pedro Juan
Procura pelo óleo de cannabis é intensa e bem aceita pela população de Pedro Juan

Cinco mil famílias, muitos depoimentos de melhoras na saúde por conta da utilização do óleo de cannabis.

Pessoas que viviam há anos, há décadas com problemas crônicos dos mais diferentes são assistidas pela Associação Paraguaia de Apoio Cannabis Amambay (Apacam), que está sendo implacavelmente perseguida pelo intendente (prefeito) de Pedro Juan Caballero, José Carlos Acevedo.

 O projeto é voluntário e as doações correspondentes ao medicamento são revertidas para a estrutura de trabalho e atendimento da associação.

A “ira” do prefeito José Carlos Acevedo transcende sua condição de gestor municipal. Ele adota seu estilo perseguidor mais por conta de questões políticas, pois a associação não depende do apoio ou aval do prefeito para atuar.

Caminha com as próprias pernas e “nunca” foi pedir as bênçãos ao intendente pedrojuanino.

A perseguição é antiga, mas ficou mais evidente neste início de ano.

Sandro durante palestra proferida
Sandro durante palestra proferida 

 

Recentemente, há cerca de duas semanas, no dia 24 de fevereiro, a associação realizou uma grande reunião em frente à sede da Municipalidad (prefeitura) de Pedro Juan, e o prefeito José Carlos Acevedo tentou impedir o encontro, que reuniu centenas de pessoas e filiados à entidade.

No meio da jornada da APACAM de entrega de óleos e pomadas de cannabis medicinal em frente à prefeitura de PJC, o Intendente José Carlos Acevedo tentou interromper a doação dos medicamentos. Ele foi mais além, através de seu meio de comunicação, chamou as autoridades de Assunção pedindo uma intervenção à associação.

O presidente da APACAM, Sandro Benitez, "Dr. Cannabis", declarou que não prejudica ele mas cerca de 3.000 famílias do departamento de Amambai que dependem deste medicamento para melhorar a sua qualidade de vida.

Entidade tem aprovação da população
Entidade tem aprovação da população 

 

Pessoas com dores vão em busca do tratamento
Pessoas com dores vão em busca do tratamento

Ele observou que os afetados estão indignados, pois eles possuem uma lei que apoia a entrega do medicamento à base de cannabis medicinal. Inclusive se prepararia uma manifestação em frente ao palácio municipal pedindo ao Intendente Acevedo que cesse a sua perseguição contra a APACAM.

"Pessoas sem esse remédio não vivem mais. Se ele for tocar na associação, as pessoas vão se manifestar. O PE aprovou uma resolução comum sobre a proposta da diretiva do Conselho que altera a Diretiva 76/766/CEE, relativa à aproximação das legislações dos Estados-Membros, impedindo que o prefeito tenha essa ação impetuosa de tentar, a todo custo, proibir a atuação da entidade não-governamental.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
- Atualizado às 20h00 - Fonte: ClimaTempo
°

Mín. ° Máx. °

Sex °C °C
Sáb °C °C
Dom °C °C
Seg °C °C
Ter °C °C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias